Sobre o autoritarismo brasileiro

91WUDST+38LEm seu novo livro, a antropóloga e historiadora Lilia Moritz Schwarcz mostra que nossa sociedade, ao contrário da retórica comum que a apresenta como liberal, igualitária, solidária e fraternal, é marcada por distâncias sociais profundas geradas pelo passado em que a vontade de ser diferente, especial, era a marca da vida social.
Continuar lendo Sobre o autoritarismo brasileiro

Um dos livros mais impressionantes que já li!

71Kgdz-zNOL-2Em nossa arrogância, o homem produziu um mundo maravilhoso, que venceu a miséria, as feras, as doenças e um dia vencerá a morte e que produziu a ciência e sobretudo a técnica. Esse homem progressivamente tornou-se consciente de que era preciso preservar a natureza, conservá-la para as gerações futuras. Mas Ailton Krenak nos alerta para duas mentiras contidas nessa narrativa em seu novo livro, Ideias para adiar o fim do mundo. Continuar lendo Um dos livros mais impressionantes que já li!

Porque ler Bobbio nos dias de hoje

Este pequeno livro (83 páginas em formato 12 X 21 cms. e linhas bem espaçadas entre si) reúne quatro textos815ughCWZUL de Norberto Bobbio escritos entre 1980 e 1990 e um prefácio de Marco Revelli (muito elucidativo, sobretudo acerca dos eventos italianos pressupostos por Bobbio nos quatro artigos) sobre o tema da relação entre segredo e democracia. 

Com exceção do terceiro capítulo, mais longo e denso (um prefácio para a tradução italiana de um livro de Ernst Frankl), todos os demais são pequenos textos escritos para jornais italianos, que tratam dos temas do poder invisível dentro e fora do Estadoque tenta governa-lo e, para isso, precisa recorrer ao segredo Continuar lendo Porque ler Bobbio nos dias de hoje

Lilian Schwarcz na PUC Minas

Lilia SchwartzAmanhã (dia 21/08), às 15:00, a professora da USP Lilia Schwarcz, autora do livro Sobre o Autoritarismo Brasileiro, irá falar no Teatro João Paulo II do campus Coração Eucarístico da PUC Minas. A entrada é franca. Trata-se de um livro cuja leitura recomendo muito, e creio que é uma boa oportunidade para conhecer a autora. Ela também escreveu (juntamente com a professora Heloisa Starling, da UFMG, o livro Brasil, uma biografia, também excelente).